Artigos

     DSC00912.jpg Editada                                                A vida compartilhada com a sociedade humana atual faz dos animais objetos da insanidade humana. Isso me choca. Me choca quando me deparo com o mundo pet consumindo a saúde dos cães e gatos, e me choca quando ouço histórias como essa da cachorra que foi estuprada por um cidadão perdido e consumido pela quimica do crack, que desliga a consciência de um ser humano, tornando-o o animal que todos temos em nós. Instintos, impulsos, ações e reações. Esses mecanismos bio- emocionais  nos diferenciam de um bicho. Nós temos amplas condições de auto-controle do que é disparado pela via do impulso instintivo, tranformando nossas reações em gestos que redundem em respeito. Pelo menos é para ser assim.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 02/12/11 

 Zimbros 227                                                      Lá venho eu com meus pensares e criticas ( bem construtivas, que fique claro aos que possam não me compreender) sobre a situação atual desses animais. Há dias que penso em largar tudo o que se refere a cão, gato, dono, proteção e por tabela a profissão de Médica Veterinária. Me sinto tão cansada desse tema, dessa realidade, dessa luta – no caso minha, de escrever, do site, de tudo que seja  sobre esse tema chatinho que denomino de “mundo pet”. São quase 25 anos debatendo isso, vivendo esse movimento social, lutando na cosncientização da proteção (real)  dos cães e gatos. Satura , não tem como não existir esse “cansaço”. 

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 18/09/11 

                         Junho de 2011 038                             Volto a postar meus artigos depois de quase 6O dias sem atualização.  Não que eu não sentisse necessidade de manter o trabalho e compromisso com o site – tanto é que as respostas aos comentários aqui postados estão em dia – mas novamente  me veio a sensação de estar lutando feito Dom Quixote em meio aos seus devaneios, e nem tendo um amigo Sancho-Pança para me trazer de volta à realidade. É com esse sentimento que me debati durante esses meses sem produzir nada: o vazio do já ter dito e repetido o que está escancarado à frente de todos. E ninguém quer ver. Ou não podem ver? Ou não conseguem ver…    Muito embora fazendo uma analogia com o libertário personagem de Cervantes, não é irreal e nem tampouco ficção a minha luta perante a profissão de Médico Veterinário. Proteger os animais é compromisso de todos, não somente  dos que perambulam em ideais e compromissos firmados, feito eu. Não foi meu titulo de graduação que me fez protetora dos cães e gatos ( espécies com as quais melhor lido, mas essa proteção se estende ao todo animal) mas sim uma tomada de consciência que tem raizes profundas no  meu ser. Por trazer essa postura como ser humano é que me tornei com o decorrer dos anos uma critica voraz ao rumo que tomou a convivência – e conveniência – dos cães e gatos junto às pessoas. 

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 22/06/11 

Zimbros 191Estou com a mente cansada e por isso me recolhi nos textos que publico com mais frequência aqui no site. Assim como, me afastei dos meus escritos todos ( livros, artigos em geral, crônicas, enfim, meu lado de quem se dedica a escrever, pesquisar e observar o mundo e a sociedade atual), segui apenas com os trabalhos diários e necessários ao viver.  Normal passar por esse vazio mental – eu pelo menos passo – para quem escreve. Quando ocorre esse vazio,  me percebo em reabastecimento, em todos os sentidos. E me respeito no que posso.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 28/04/11 

 Agostosetembrooutubro de 2010 zimbros 146                                                     Essa frase que intitula esse artigo condiz com a mais pura verdade sobre mim e sobre como atuo na profissão. Desde que me formei em Medicina Veterinária minha vida se mistura por completo aos cães e gatos. Quando me refiro a essa completude é porque, praticamente, não separei minha vida pessoal ( mas a particular e privada, direito de todos, essa mantive e mantenho) da vivência com a profissão. Sempre me percebi vivendo , experimentando, estudando, convivendo, aprendendo, sofrendo, gostando, gastando e amando essas duas espécies que são os cães e os gatos. Como se meu consultório fosse o meu cotidiano. E era. Protegi no que pude essas espécies, muitas vezes sucumbindo, mas tentando aprender a lição que possui uma importância grande na vida de qualquer um de nós: a lição do desapego

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 18/02/11 

 DSC00098                                                     Fechada de ciclo em uma vida é algo que pode impactar e deixar saudades. Ou quem sabe uma nostalgia que vem, vez que outra,  atiçar o coração da gente. Fim de ano traz essa sensação da mesma forma, porque fecha-se um ciclo energético para dar a continuidade do viver. E muitos comemoram a virada do ano, gritando pro alto, liberando sentimento: amor, paz, alivio, “ainda bem que já foi”, ´alegria, exultação, saudade e nostalgia. E foi com esse sentimento de saudade que revi pessoas, que me trouxeram em meio a conversa,  as lembranças de um final de ciclo que fiz em minha vida quando sai de Porto Alegre, há 1 ano e meio atrás.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 30/12/10 

 ARTPMSC_2010_11_30_153956_920229                                                    Ao assistir no programa Jornal do Almoço, da RBS -SC,   a noticia sobre um cão da Policia Militar que está sendo retirado da sua função de cão farejador – condicionado ( treinado) a encontrar drogas, lembrei-me do que  coloquei em um capitulo  do meu livro  ” Cães, Donos e Dores Humanas”:  “os cães são nossos benfeitores sociais (…)”

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 01/12/10 

   Caes dos Sobrinhos                                                O mundo muda em constante transformação, situação que é inerente à condição social humana. Nascemos , como espécie, com capacidades amplas de evolução. Dentro dessas capacidades temos que levar em conta o maior bem que o Universo ( ou Deus – isso fica no entendimento de cada um) nos oportuniza constantemente: sabedoria e  humildade. Muitos pensam que ser sábio é ter conhecimento cultural ou acadêmico, apenas. Mas vai muito além disso.  Existem pessoas com vasto potencial institucional e carregados de titulos que nada têm de sabedoria.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 15/09/10 

                                                 FOTOS E FILME VIGILANCIA ANIMAL BOMBINHAS..... 002Por mais que eu tente não consigo entender as ações politicas frente a proteção dos cães e gatos. E nem mesmo as ações das ONGs que dizem proteger tais espécies.  No meu entender a proteção deve ser baseada em dois pontos principais: compaixão e bom senso técnico. A compaixão deve estar presente em todos os corações humanos e o conhecimento técnico cabe exclusivamente ao Médico Veterinário. E dentro desse bom senso técnico o profissional deve ter um forte embasamento do comportamento instintivo (natural) e ambiental dos animais. Percebo que muitos colegas ainda deixam a desejar nessas questões comportamentais quando precisam agir ou orientar para uma verdadeira proteção a esses animais. Também observo que a compaixão no coração do ser humano ainda traz o apego sentimental exagerado ( projeções afetivas sedimentadas nas doenças emocionais que todos temos), onde por sua vez faz com que muitos ajam e reajam de forma equivocada no bem estar animal.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 19/08/10 

  Dez. 2009 Zimbros 113                                                  No mês  de Junho que passou meu site completou três anos de ação e tentativa de transformação das visões que são erroneamente colocadas sobre os animais de estimação.  Ainda não  atingi meu objetivo com ele – que é ver esse paradigma que estão colocando sob os cães e gatos ser modificado.  O modelo a que me refiro é o equivoco de os colocarem sob o mesmo patamar do ser humano em quase todos os aspectos.  Erram os homens e pagam os animais.

Leia Mais »

escrito por Synara no dia 13/07/10